pára chuva.


Ó céu , diz-me porque choras,
porque estás tão triste?
Tuas lágrimas param nas horas,
e o tempo diz que fugiste.


Ó céu, não te feches na escuridão,
nem afastes o luar,
não queiras viver a solidão,
deixa a lua brilhar.


Sabes céu,
dói-me ver-te chorar,
porque tu és como eu,
e choras para o mar.


Mas céu,
olha a revolta do  mar,
amanhã é um novo dia,
deixa o sol voltar.


Porque o mar, 
tem  tanto para dizer,
mas dos seus problemas,
ninguém quer saber.

Ó Céu não chores mais,
porque o mar já está cansado,
quantas tua lágrimas caem,
e quantas tem ele de passado?
                                   Ana Sofia Estevam
Isto porque, eu sou uma lamechas e fico toda deprimida em dias de chuva, e hoje, choveu e ontem choveu, e amanhã provavelmente irá chover, e pronto de onde trabalho tenho visão perfeita para o mar, e deixem-me dizer, que tem passado uns dias de revolta que quase que tenho medo, se calhar também merece as suas folgas.

Anónimo –   – (25 de dezembro de 2009 às 13:16)  

está mesmo bonito =)

Tânia Almeida  – (25 de dezembro de 2009 às 13:24)  

está muito linduh...

confesso que tbm não gosto nada de chuva!!Parece dias tristes!!!

bj

Megan  – (25 de dezembro de 2009 às 14:19)  

Nunca é tarde.
Tb espero q tenhas tido um bom natal :)

escreves mesmo bem

Iúri Zúluri Revel Regueiro  – (25 de dezembro de 2009 às 14:47)  

Ó céu , diz-me porque choras,

so mesmo tua esta frase...deprimida? tu?

ai ng conhece esta rapariga como deve ser

É UMA MALUKAAAAAAAAAAAAA

Enviar um comentário

eu confesso que...

  © Blogger template Shush by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP